Figura15

CRIANÇA ABORTADA E ENTERRADA MAS SOBREVIVEU

Figura15CRIANÇA ABORTADA E ENTERRADA MAS SOBREVIVEU

Criança estava dentro de um buraco de tatu quando foi encontrada por vizinhos

Figura16

O bebê  foi abortado e enterrado pela mãe dentro de um buraco de tatu em Laranjeiras do Sul, no Paraná.

 Os policiais afirmaram que a mãe da criança, Lucinda Ferreira Guimarães, 40 anos, contou que a deixou no buraco porque não queria que o ex-marido soubesse do nascimento. Ela foi indiciada por tentativa de homicídio qualificado, em 2006.

Figura17

Segundo informações a criança só sobreviveu por estar enterrada em pé tendo um cachorro cavado um pouco a terra ao redor de sua cabeça, deixando-a descoberta e por causa do calor da terra que manteve a temperatura corporal. 

Figura18

Os policiais foram acionados através de uma denúncia anônima para darem atendimento a uma ocorrência de abandono de criança enterrada num matagal. Segundo as primeiras informações uma senhora teria retornado para a residência ao entardecer com as vestes sujas de sangue o que chamou a atenção de vizinhos que observaram as ações da suspeita que estaria grávida até então. 

Figura19

Para surpresa dos moradores locais depois de uma busca nas proximidades encontraram numa toca de tatu no matagal, um recém-nascido que estava cheio de bichos e moscas sob sua pele. Já se passavam 24 horas do provável aborto e os moradores então acionaram a polícia, pois achavam que o recém-nascido estaria em óbito. 

Figura20 Figura21

Ao chegarem, os policiais perceberam que ele estava vivo, tiraram os restos de terra da boca e imediatamente o encaminharam ao Hospital. No local uma equipe policial levantou informações da localização da mãe e a encontrou num bar a algumas quadras do local e deu voz de prisão a infratora. No hospital o recém-nascido recebeu os cuidados médicos necessários e sobreviveu pela misericórdia divina!

Figura22

A senhora Lucinda é mãe de 4 filhos e esta era a 5ª gravidez.

Estava casada pela 2ª vez e o filho não era deste último marido…

Quem tiver curiosidade em checar, a reportagem oficial consta neste site:

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,AA1306762-5598,00.html

Figura24 Figura23

 

Deixe uma resposta