Para que não mais sejamos como meninos


Para que não mais sejamos como meninos

Para que não mais sejamos como meninos

Efésios 4:1-14 – “Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis de modo digno da vocação a que fostes chamados,2  com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,3  esforçando-vos diligentemente por preservar a unidade do Espírito no vínculo da paz;4  há somente um corpo e um Espírito, como também fostes chamados numa só esperança da vossa vocação;5  há um só Senhor, uma só fé, um só batismo;6  um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, age por meio de todos e está em todos.7  e a graça foi concedida a cada um de nós segundo a proporção do dom de Cristo.8  Por isso, diz: Quando ele subiu às alturas, levou cativo o cativeiro e concedeu dons aos homens.9  Ora, que quer dizer subiu, senão que também havia descido às regiões inferiores da terra?10  Aquele que desceu é também o mesmo que subiu acima de todos os céus, para encher todas as coisas.11  E ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres,12  com vistas ao aperfeiçoamento dos santos para o desempenho do seu serviço, para a edificação do corpo de Cristo,13  Até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, à perfeita varonilidade, à medida da estatura da plenitude de Cristo,14  para que não mais sejamos como meninos, agitados de um lado para outro e levados ao redor por todo vento de doutrina, pela artimanha dos homens, pela astúcia com que induzem ao erro”. sermoes

Deixe uma resposta